MORTE – Idosa morre carbonizada em incêndio florestal no Sul de Minas

Em 2014, três pessoas morreram queimadas em Carrancas durante um incêndio na serra daquela cidade, eles eram brigadistas voluntários. José Ronaldo Monteiro Ferreira, 49 anos, Raimundo Ferreira Coimbra, de 49 anos, e Paulo Carolino da Silva, de 61 anos, saíram na noite do dia 14 de outubro daquele ano para combater o fogo na serra de Carrancas. Os três foram para o local chamado de Chapadão das Perdizes, popularmente conhecido por “Complexo da Zilda”, que fica situado entre as serras do Moleque e das Bicas.

Na época, como eles não regressaram na manhã do dia seguinte, um grupo saiu à procura dos três. Raimundo e Paulo foram encontrados mortos, eles estavam com os corpos carbonizados. O grupo ouviu pedidos de socorro e encontraram José Ronaldo ferido com queimaduras de 3° grau. Ele foi resgatado por uma caminhonete e levado para o hospital de Carrancas, à tarde o Corpo de Bombeiros o transferiu, de helicóptero, para o Setor de Queimados do Hospital “João XXIII”, em Belo Horizonte. Ele não resistiu e foi a óbito.

Na sexta-feira, dia 17, outra tragédia como essa se repetiu, desta vez no Sul de Minas, em Maria da Fé. Maria da Piedade Marques, de 69 anos, estava arrumando uma cerca em sua propriedade juntamente com seu namorado, ela se afastou um pouco e seu namorado ouviu ela gritar ao longe que “o fogo estava chegando”, depois disso o fogo chegou e ele não a viu mais.

O Corpo de Bombeiros da cidade de Itajubá estava empenhado no combate às chamas no local, conhecido como bairro rural Palha da Rocha. Os bombeiros foram avisados e deram início à busca por Maria da Piedade, as buscas foram encerradas às 3h da madrugada devido as condições de visibilidade, elas foram reiniciadas na manhã de hoje e não demorou muito, familiares da vítima encontraram o corpo de Maria da Piedade carbonizado. Agora a polícia está levantando se o fogo foi criminoso.

A idosa Maria da Piedade Marques, era diabética, hipertensa e estava com um dos pés machucado, o que possivelmente a impediu de se locomover com rapidez.

O corpo da vítima foi levado ao Instituto Médico Legal de Itajubá, depois sepultado na tarde de hoje. De acordo com o boletim de ocorrência do Corpo de Bombeiros, o corpo foi encontrado às 7h de hoje, o local permaneceu isolado até a perícia chegar. 

fonte:jornaldelavras

Compartilhe

Copyright © Guia BrasilNet - Guia BrasilNet trás Busca,Empresas,Serviços, Notícias, Humor, Dicas, Promoções, Oportunidades e Negócios de Minas Gerais