LAVRAS – Taxa de Iluminação Pública: mais lavrenses ficarão isentos

possato_jose_marcio_faria

Em tempos de ajuste na economia, qualquer redução nas despesas é muito bem-vinda, e na última reunião ordinária da Câmara Municipal foi aprovado um projeto de lei complementar que altera o Código Tributário do Município de Lavras. O projeto trouxe modificações de forma a proceder uma melhor administração tributária no município e evitar interpretações ambíguas na Lei em vigor.

No que se refere à Contribuição de Iluminação Pública (CIP), que é cobrada nas contas de energia elétrica, houve uma mudança significativa. Hoje são 6,3 mil residências beneficiadas com a isenção de cobrança da CIP, pois gastam até 50 Kw/h por mês. O vereador Marcos Possato, apresentou uma emenda, ao projeto de lei do executivo, aumentando o número de residências beneficiadas, ou seja, para quem consome até 100 Kw/h por mês. Com isso mais de 10 mil residências em Lavras poderão ficar isentas da cobrança da CIP.

Falando à reportagem do Jornal de Lavras, o vereador Possato esclareceu que nesta faixa de consumo – até 100 Kw/ h) – estão os contribuintes de uma renda mais baixa e, com isso, sua emenda teve um aspecto iminentemente social.

jornaldelavras.

Compartilhe

Copyright © Guia BrasilNet - Guia BrasilNet trás Busca,Empresas,Serviços, Notícias, Humor, Dicas, Promoções, Oportunidades e Negócios de Minas Gerais