PÉ NAS QUARTAS – Cruzeiro goleia Santa Rita, alcança milésima vitória no Mineirão e põe o pé nas quartas

goleada-cruzeiro-quartas-lavrasmixnarede-lavrasA noite foi histórica para o Cruzeiro. Com a goleada por 5 a 0 sobre o Santa Rita, pelas oitavas de final da Copa do Brasil, o clube celeste alcançou a milésima vitória no Mineirão. O placar elástico ainda permite que o técnico Marcelo Oliveira poupe mais jogadores na partida da volta, marcada para a próxima quarta-feira, às 19h30, em Arapiraca, Alagoas.

O clube celeste usou a cabeça para encaminhar a vaga nas quartas. O time nordestino não resistiu às jogadas aéreas da Raposa. Os três primeiros gols do Cruzeiro saíram de cabeça. Marcelo Moreno, Dedé e Júlio Baptista aproveitaram as oportunidades para balançar as redes de Jeferson. Os tentos com jogadas pelo alto são uma marca da equipe comandada por Marcelo Oliveira. O quarto foi de com pé, depois de rebote do goleiro Jeferson. O boliviano Marcelo Moreno completou e fez o seu segundo gol na partida. Henrique também deixou sua marca, em chute forte da entrada da área.

Quem triunfar no duelo entre mineiros e alagoanos enfrentará Vasco ou ABC nas quartas de final da Copa do Brasil. Os dois clubes estão na Segunda Divisão e empataram nessa terça-feira, por 1 a 1, no jogo de ida, em São Januário. O time de Natal tem a vantagem do empate por 0 a 0.

Antes de voltar o foco para a Copa do Brasil, o Cruzeiro tem compromisso neste sábado pelo Campeonato Brasileiro, às 18h30, diante da Chapecoense, no Gigante da Pampulha. A equipe azul lidera o Nacional com sete pontos de vantagem sobre o São Paulo, segundo colocado.

Primeiro tempo

A primeira finalização do jogo foi do Santa Rita. A equipe alagoana aproveitou sobra na entrada da área e concluiu por cima, com Reinaldo. Já o Cruzeiro foi eficaz na chance que criou, aos sete minutos. Lucas Silva cruzou e Marcelo Moreno desviou de cabeça para o fundo das redes: 1 a 0. 

Gol contra o Santa Rita foi o primeiro de volante Henrique em segunda passagem pelo Cruzeiro

O Cruzeiro esteve perto do segundo gol, ma Jeferson fez uma defesa espetacular e impediu o tento celeste. Dagoberto finalizou na pequena área, e o camisa 1 salvou os alagoanos. Porém, minutos depois, o zagueiro Dedé ampliou o marcador. Após cobrança de escanteio, ele testou e guardou: 2 a 0. 

Um gol anulado e outra bola na trave. Marcelo Moreno poderia ter feito mais dois gols na sequência da primeira etapa. A diferença técnica pesava muito a favor do Cruzeiro. Aos 32, Lucas Silva acertou chute forte da intermediária e o goleiro conseguiu defender em dois tempos.

A jogada pelo alto continuou eficiente na equipe celeste. Aos 34, Júlio Baptista cabeceou no contrapé do goleiro para fazer o terceiro: 3 a 0para o Cruzeiro.

Segundo tempo

O retorno para a segunda etapa teve a insistência na jogada pelo alto. O Cruzeiro chegou pela primeira vez com Marcelo Moreno, mas o arremate saiu pela linha de fundo. Quando roubou a bola do defensor, o jovem Alisson quase deixou o seu, mas parou nas mãos de Jeferson.

A noite foi mesmo das bolas pelo alto. Moreno quase marcou mais um, mas não aproveitou com precisão o cruzamento de Mayke. O Santa Rita continuou demonstrando dificuldade em parar as jogadas aéreas do Cruzeiro.

Lucas Silva decidiu arriscar mais uma de longe e o goleiro Jeferson rebateu. Marcelo Moreno não perdoou e fez de novo: 4 a 0 para o Cruzeiro.

Poucos minutos depois de entrar, Marlone acertou a trave de Jeferson. A jogada foi na sobra da cobrança de escanteio. A insistência celeste foi premiada aos 42 minutos. Henrique acertou chute forte da entrada da área e marcou o quinto: 5 a 0 para o Cruzeiro.

portal uai.

 

Insomnia Centro Automotivo - (35) 3822-0937

Compartilhe

Copyright © Guia BrasilNet - Guia BrasilNet trás Busca,Empresas,Serviços, Notícias, Humor, Dicas, Promoções, Oportunidades e Negócios de Minas Gerais