SANGRENTO – Feriadão terminou com 61 mortes em MG, uma média de 15 mortes por dia

 

acidente_7setembro_guiaminas

A Autopista Fernão Dias fechou o balanço da operação especial montada para o feriado prolongado de Independência. Das 14h do dia 4 de setembro, sexta-feira, até às 23h de segunda-feira, 7 de setembro, foram realizados 2.787 mil atendimentos a usuários para auxílio mecânico e socorro médico, entre outros. Neste período foram registrados 129 acidentes, com 44 vítimas leves, 6 moderadas, e uma grave.

Se no trajeto entre São Paulo e Belo Horizonte, trajeto administrado pela Concessionária Autopista Fernão Dias não foi registrado nenhuma morte, nas outras BRs e MGs que cortam o Estado, desde a última sexta-feira até 23h59 de segunda-feira, foram registradas 61 mortes em 550 acidentes, média de 15 mortes por dia.

Não foi apenas o número de mortes que foi alto, o número de feridos também foi elevado: 616. O recesso é o mais violento do ano, passando o carnaval, que teve 50 mortos. A falta de atenção e imprudência, segundo a Polícia Rodoviária Estadual (PRE) e a Polícia Rodoviária Federal (PRF), foram as principais causas das ocorrências.

Este ano já morreram 221 pessoas nos feriados em Minas Gerais. No feriado do carnaval morreram 50 pessoas; na Semana Santa, foram 25 mortos; Tiradentes, 30; recesso do Dia do Trabalho foram 21, e Corpus Christi, 34 mortos, que somados agora com 61 do Dia da Independência, totalizam 221 mortes nas estradas federais e estaduais que cortam Minas.

O trabalho de fiscalização é intenso nas rodovias, a Polícia Rodoviária Estadual, durante o recesso, efetuou a prisão de 54 pessoas por embriaguez ao volante. Foram realizados 2.001 testes do bafômetro. Ao todo, 44.169 mil veículos foram fiscalizados, 166 acabaram apreendidos, 3.308 mil retidos, 832 removidos e quatro carros roubados, recuperados. Além disso, a PRE recolheu 230 Carteiras Nacionais de Habilitação (CNHs) e 546 Certificados de Registro de Licença de Veículo. Outros 531 motoristas inabilitados foram flagrados.

Já a Polícia Rodoviária Federal (PRF) flagrou 8.841 mil veículos em excesso de velocidade nas rodovias federais. Durante a operação, ocorreram 51 autuações por embriaguez ao volante e oito prisões.

jornaldelavras.

Compartilhe

Copyright © Guia BrasilNet - Guia BrasilNet trás Busca,Empresas,Serviços, Notícias, Humor, Dicas, Promoções, Oportunidades e Negócios de Minas Gerais